Barão Demarion Argelac do Salão da Mantícora

Lorde de terras no sul do Condado de Safeld, com fronteira com o território conhecido como Terras sem Lei. Barão Demarion possui a reputação de ser um homem insensível, instável e duro como pedra, dificilmente demonstrando qualquer tipo de emoção até sua fúria rugir.
Conhecido desde a juventude como o Cavaleiro dos Espinhos devido sua armadura e armas, é um excepcional cavaleiro e famoso por sua habilidade nas justas.
Famoso também pelos boatos que rondam sua família, sendo seu descontentamento com o Bispo Uther a história mais contada e assustadora. Conta a história que o barão desejava abandonar sua segunda mulher para se casar com sua esposa atual, tendo seu casamento negado pelo bispo. Contrariado, o barão mandou aprisionar o bispo no Salão da Mantícora e, conta-se, que durante dias o sacerdote teve seus gritos ouvidos pelos corredores e salões. Os servos dizem que o barão pessoalmente cravava pregos na cabeça raspada do bispo, transformando-o em uma pessoa totalmente diferente a cada prego.
A história termina com a reclusão do bispo em um monastério nas montanhas, uma pessoa totalmente diferente, sem a sagacidade de um bispo e com o comportamento de uma criança. A segunda esposa do barão morreu duas semanas depois. Contudo, nunca se sabe até onde os plebeus falaram demais sobre essa história.

Bar_o_Demarion_Argelac.jpg

Barão Demarion Argelac do Salão da Mantícora

Crônicas de Yondária Super